segunda-feira, 30 de outubro de 2006

Prince Charming

Lu Minami


Ouvindo: Dodo, Dave Matthews Band

Eu acho você perfeito. Acho mesmo.

Você gosta de trabalhar muito, igual eu. Gosta de cinema, mas não de qualquer um. Para você cinema é conteúdo e se for para ver qualquer coisa, é melhor alugar o tal filminho besta, com os pés no sofá e um colinho para dormir sem fazer feio.

A gente anda de mão dada e todo mundo acha que somos perfeitos um para o outro. Seu cabelo cai bonito na testa e seu sorriso é largo e fica meio torto quando fica sem graça. É um charme!

Eu com você fico mais feminina, deixo de ser moleca para ser mulher. É, você sabe me fazer gritar como mulher, não como menina.

Gosta de livros, mas prefere os russos. Mas não tem problema, porque eu te convenço a ler um pouco do lirismo latino e eu finjo que li Tolstoi. Você finge que acredita, apesar de ter lido Cortázar por mim.

A gente sai para jantar e você vai ao restaurante certo, pede o vinho que combina comigo e com o prato que eu pedi e ainda segura a minha mão enquanto olha eu comer errado, com o garfo na mão errada e a faca que parece não ter corte.

Você deixa eu escolher o CD no quarto porque sabe que assim eu vou me sentir melhor. Você escolhe quais velas vai acender e quais palavras vai dizer. Não muitas, porque eu prefiro o silêncio.

Você não reclama da minha barriga porque acha bonito o meu ombro, junto com o colo e tudo o mais. Você elogia meu cabelo e o jeito que eu olho para você quando estou por cima, ou por baixo.

A gente dorme bonito, sem babar, no peito do outro. Você cuida dos meus sonhos e participa deles, enquanto eu me aninho no seu peito largo, grande e protetor.

Você gosta de ouvir eu falar sobre as bandas barulhentas que eu gosto, enquanto tenta me convencer que Piazzola é um gênio e, apesar de eu concordar com você, continuo querendo dançar igual a Shakira e que Pearl Jam é a melhor banda do universo.

Você não manda flores, escolhe qualquer flor que esteja perdida para que ela se encontre nas minhas mãos. Eu fico sorrindo igual idiota e você só acena a cabeça.

Puta que pariu, como você é mala!

9 comentários:

Sérgio, Tiago e Raphael disse...

Esse cara é gay!

carol disse...

hahahahahahahahahaha...
Mala é pouco, né, Lu??!!

Bjs, Carol

sérgio ou primeiras horas da manhã! disse...

Esse cara não é um Lust for life, gostei deste final, muito bom.
Grande beijo

Desafinado disse...

A Lu Minami é Lust for life.

Desafinado disse...

"lembro de como era chorar na sua nuca, te xingar na sua boca, me surrar nos seus braços e trepidar em suas pernas"

Só pra confirmar o que disse acima.

Jú & Lú disse...

hahahahahahahahahahaha.
É, eu sou Lust For Liiiiife!!!

Esse mala pede licença para fazer qualquer coisa Lust for life e ainda por cima emenda um "atenciosamente".

Eu amo esses meninos mesmo...
LU

Desafinado disse...

Nossa, que cara mala!APA.
Manda tomanocu.

Jú & Lú disse...

Risos...

"Boa tarde srta. Luciana Aki Minami!

Gostaria, com sua permissão, de beijar-te!

Atenciosamente, Ô MALA."

APA! Tem hómi que não entende que beijo roubado tem valor dobrado!!!

E tenho dito!


Jú Mancin (ADDM)

Sunset disse...

Caralhos....

Site Meter