terça-feira, 7 de novembro de 2006

Um dia dos últimos tempos

Lu Minami

Ouvindo: Cry baby cry, The Beatles

Estou numa fase em que preciso me apaixonar e logo. A velha desculpa de dizer que ainda amo você já está ultrapassada e ninguém mais acredita.

A mesma fase exige que eu me abra, me divida e seja plenamente interessante. Exige esforço de quem me vê de longe, porque quero parecer forte e bem resolvida. Atenção ao verbo: parecer. É poder parecer auto-suficiente o bastante para esquecer seu nome casualmente. É poder estar com uma garrafa vazia nas mãos e que a cena possa se tornar um poema longo e ansioso de quem segura apenas um copo vazio.

Inevitavelmente pessoas mais corajosas ou desavisadas vão se aproximar e eu, gentilmente vou ceder. E bastará um sacolejo de pernas e de cabelos ou ainda, uma palavra inesperada, uma conversa breve, carregada de enigmas e perguntas que só serão respondidas num local privado. A quatro paredes que dizem por aí, certo?

É a vontade imensa que eu carrego todos os dias de arrancar à força esse suposto vazio, porque não tenho mais paciência de esperar que isso desapareça sozinho, com o tempo. Em tempo, antes que as pessoas achem que eu estou aberta para novos relacionamentos ou retorno dos antigos, antecipo a resposta dizendo que não é verdade. O que ando fazendo é substituir 6 por 1.000.000, antes que eu seja anulada de alguma forma.

Honestamente, aguardo alguma paixão avassaladora para devorá-la, esperar que me devore e ambos possam digerir outra história errada, intensa e ínfima.

Aguardo a azia e talvez alguma gordura protetora durante um próximo inverno castigado que possa assolar as nossas vidas novamente.

6 comentários:

xangri-la disse...

"É poder estar com uma garrafa vazia nas mãos e que a cena possa se tornar um poema longo e ansioso de quem segura apenas um copo vazio."

SIMPLISMENTE SUBLIME!

Sérgio, Tiago e Raphael disse...

Lu, eu sei que você não precisa mais disso.

Jú & Lú disse...

O que que eu não preciso exatamente?
rs...

LU

Sérgio, Tiago e Raphael disse...

De um novo amor, ou velho.
Agora você realmente é Lust for life.


PS. nós sabemos.

Sérgio, Tiago e Raphael disse...

A não ser que seja pra outra pessoa esse texto.

Jú & Lú disse...

hahahaahahhahaahahahaha
Ok. I got it!

LU

Site Meter