sexta-feira, 15 de maio de 2009

Dias cinzas felizes

Lu Minami


Ouvindo: Reckoner
(Radiohead)



É na brancura de alguns dias que a palidez forçada e sugerida da minha alma insiste em aparecer. Mas são nos dias cinzas de chuva, com o céu carregado de intenções de chorar e pestanejar com seus trovões que encontro um pouquinho de paz.

É com o céu mudando de cor e suas nuvens que passam em sua pressa de levar água e infortúnio para outros lugares que eu sossego meu medo e vomito palavras torrenciais, que inundam páginas e páginas de cartas infinitas.

Peço calada, um favor então. Eu sei, parece coisa de criança, de gente maluca e que não toca a vida para frente. Mas hoje, o cinza me deu chance de ser corajosa e encher de cor a minha boca para te dizer. Te pedir que deite de novo naquele travesseiro pintado de flores pretas e guarde esse olhar só para mim, que cante baixo, pela respiração, aquela música que esqueci a letra, mas que diz tanto em tão poucos versos. Que tem aquele refrão bonito, sobre dias azuis e claros que nunca mais se repetirão, sabe?

Eu lembro, eu sei. Um pouco da letra que ainda cabe em meus últimos segundos de travesseiro, um restinho de pernas que se entrelaçam, meus pés gelados sempre e um jeito estranho de me encaixar no seu peito, onde fico entregue e você mais vulnerável do que nunca. Daqui, do seu peito, era possível te machucar, mas minha vontade era te proteger. Te proteger de mim mesma.

Em dias assim, me invade a preguiça do mundo e das pessoas vazias ou que nada tem para me dar, porque é impossível não te colocar acima de todas essas pessoas e te jurar, todos os dias, que não serei feliz por menos, que não vou conseguir me inspirar em dias brancos sem as nuvens esparsas e carregadas do negrume do meu coração junto ao teu.

3 comentários:

Daniel disse...

Acho muito poético o jeito que vc fala sobre esse seu amor. Enquanto leio fico tentando imaginar como ele é.
Beijos Jú

ju mancin disse...

mas esse é o amor da lu...
bom...se levarmos em consideração que todos os amores são o mesmo amor, incapaz, impossível, improvavel...
é... bem... pode ser um dos meus tb..e dos seus, pq não!

beijo dani!

lú, lindo texto...dias cinzas são felizes!!!

Lu disse...

hahahahaha... acho que algumas pessoas devem confundir meu amor com seu, ju...
rs... mas no fim das contas, é como vc disse, pode ser um dos meus e dos seus.

Tudo é uma questão de perspectiva!

bjs
LU

Site Meter