segunda-feira, 9 de março de 2009

.reencontro.

ju mancin

d °_° b sweet jane, cowboy junkies

então é assim quando se [re]encontra o amor?

esse silêncio, o ar em suspenso…

um cálice cheio de nada, a espera do veneno da serpente…

essa aí refletida nos teus olhos sou eu

e isso aqui estampando em mim é o amor

cheio de fúria.

um mar revolto em saudade

uma tela em vermelho

uma escultura que sangra

um punhal na garganta

um silêncio que canta

um pavor que me encanta

o ar em suspenso

o peito que queima

a boca que seca

uma flor que se abre

ah o amor, o amor, o amor

esse barco à deriva…

8 comentários:

raTo! disse...

eeeee adrenalina gostosa, ahaha.

putz, acho q pra mtos o mundo não existia antes da internet e não do google earth, ahaha.

beijoooo

Daniel disse...

A melhor sensação de todas!!!
Beijos

beat disse...

looove, looove, looove!
all you need is love!

Um devaneio disse...

Sim, o amor.
.
.
Anciosa, fico sempre pelo amor.
.
.
E ele chega,daqui uns dias,meu amor!
.
.
Luz minha querida flor.

Anônimo disse...

Ju, parabéns pelo post.

Vim aqui hoje pra dizer que o Lust está voltando e em breve haverá posts novos.

Lust For Life F.C.

ju mancin disse...

Aeeee!

Volta lust, vooolta!

Lu disse...

A possibilidade do re[encontro] é o que me move todos os dias.

Lindo, Ju!

Lu disse...

A possibilidade do re[encontro] é o que me move todos os dias.

Lindo, Ju!

Site Meter