segunda-feira, 7 de maio de 2007

...todos estão surdos...

Jú Mancin

d *_* b mademoiselle marchand, jupiter maçã

De um lado a outro
Sem eira nem beira
Nem lenço ou documento
A noite brilha o luar
E chove estrelas [n’algum lugar]
SOMOS LUZ!
Teu maracatu pesa uma tonelada
E eu, no caminho do Blunt of Judah
...get up [aaaaaah] like a sex machine...
Pra ficar sonhando depois de acordar
E vem saudade com seu vestido vermelho
E seu batalhão de agitadores e bandeiras
Vem chuva e mais saudade
De um lugar que eu nunca fui
Vem caminhão [eu sou meniiiina]
E quem tem medo de brincar de amor?
Love, love, love
All you need is LOVE, baby!
Você, ele e eu!
Só amor!!!

3 comentários:

GMacin disse...

o mosteiro, a lua e os sinos. crazy fuckin nite

Lu disse...

Clap, clap, clap!

Para a lua, para a noite, a virada sensacional. Para o sorriso e madrugada junto com café, cigarro e ladeiras.

Amo.
Sempre.
E amo tudo, de uma vez só.

Lu

Sunset disse...

A Ju tem os melhores "versos marotos" que eu já vi.

Site Meter